fbpx
tamanho de cadeira de rodas

Como escolher o tamanho da cadeira de rodas e suas configurações

Para uma pessoa com deficiência que utiliza a cadeira de rodas diariamente, conforto é primordial. E por isso, é muito importante que a cadeira tenha o tamanho e as configurações adequadas de acordo com as necessidades do usuário.

Saber qual é o tamanho da cadeira de rodas, as medidas corretas, quais funções serão mais utilizadas e que tipo de configurações que se adaptam melhor ao corpo, facilita  muito na escolha do modelo ideal, além de ser também uma forma de autoconhecimento. 

Utilizar uma cadeira que não é indicada para o tipo de lesão do usuário pode dificultar a mobilidade, aumentar o gasto de energia na sua utilização e provocar desconforto, impedindo que o usuário consiga ficar nela por muito tempo.

Escolher um modelo ideal pode ser complicado, pois é necessário ter conhecimentos específicos sobre a marca que você pretende comprar, já que os tamanhos e configurações variam  de uma empresa para outra.

Para ajudar a entender a importância das configurações e medidas especiais, organizamos algumas informações importantes que você precisa saber. Continue lendo e saiba mais!

Porque a cadeira precisa estar ajustada ao usuário?

A cadeira de rodas garante a autonomia no dia a dia da pessoa com deficiência, porém se não for adequada às medidas e necessidades do usuário, ela acaba por se tornar mais um obstáculo a ser ultrapassado em sua rotina. 

Antes de comprar uma cadeira de rodas nova ou de fazer adaptações que possam alterar as medidas da cadeira, é preciso saber qual modelo ou adaptação melhor se adapta ao corpo e garantir o melhor uso possível do produto.

Exemplos

  • Encostos de assento altos, podem diminuir a mobilidade de pessoas que possuem mais controle de tronco e são mais ativas. 
  • encostos de assento baixos não fornecem sustentação suficiente para pessoas com menos controle de tronco, podendo causar lesões e desconforto.
  • Chassis maiores podem machucar a parte de trás do joelho e até reduzir a circulação sanguínea nas extremidades das pernas. 
  • Nos Chassis muito pequenos, a distribuição do peso não é feita adequadamente, causando dores lombares e facilitando o surgimento de escaras (úlceras de pressão).
  • Com os assentos, caso o tipo de assento utilizado seja menor do que o indicado, o risco do usuário ter uma lesão por pressão é muito alta. 
  • Os assentos maiores proporcionam um maior gasto energético para usuários que utilizam a cadeira manualmente por conta da distância entre os braços e os aros. E nos casos em que o usuário utiliza a cadeira motorizada, um assento muito largo pode causar deformações na coluna e na postura. 

Como saber qual é o tamanho ideal da cadeira? 

No caso de pessoas com deficiência que estão comprando a primeira cadeira de rodas, é recomendado que a prescrição das medidas da cadeira, bem como a escolha de opcionais seja feita por um profissional de fisioterapia.
Já para usuários que utilizam o equipamento a mais tempo e que já possuem um conhecimento maior sobre as próprias demandas, é importante saber algumas de suas medidas, como:  

  • Largura do quadril;
  • Comprimento da coxa;
  • Extensão da perna;
  • Comprimento de braço;

Depois de ter todas as medidas corporais em mãos, é preciso estar atento ao tamanho da cadeira de rodas. Antes de realizar a compra, é importante pesquisar os tamanhos das cadeiras de rodas oferecidas pela marca e saber se algum deles atende às suas demandas.
Para isso, é necessário avaliar as seguintes medidas do equipamento:

  • Largura do assento;
  • O tamanho da cadeira de rodas;
  • Profundidade do assento (chassi);
  • Altura do encosto;
  • Comprimento do apoio de braços.

Quais são os tamanhos disponíveis?

As configurações, tanto de acessórios quanto de tamanhos de cadeira de rodas podem variar de marca para marca. Algumas empresas fabricam apenas tamanhos únicos, não sendo possível a personalização.

Também é importante ficar atento às medidas oferecidas pelas marcas, pois cada uma delas possui uma tabela de medidas própria. Por conta disso, é possível que um encosto tamanho M, por exemplo, possa ter dimensões diferentes em cada empresa.

Além disso, é possível encontrar empresas que ofereçam diferentes tamanhos, configurações e opcionais, além da opção de combinar peças de diferentes tamanhos em uma única cadeira. 

No Brasil, a Freedom é a empresa que possui o maior número de tamanho de cadeira de rodas, além de oferecer a opção de combinar diferentes tamanhos para que a cadeira se adeque da melhor forma possível ao usuário e atenda ao maior número de corpos.

Outras configurações 

Além das medidas básicas de tamanho, existem outras configurações que podem ser solicitadas no momento do pedido, sem nenhum custo adicional e que fazem toda a diferença no dia a dia da pessoa com deficiência.
Funções como o Tilt, que é a inclinação da parte de trás assento para baixo (que faz com que o usuário fique mais inclinado).

Esse ajuste confere maior estabilidade na hora de utilizar a cadeira, porém quanto mais inclinado for o assento, será necessário mais força para erguer o corpo e realizar as transferências.
O centro de gravidade também pode ser alterado e influencia diretamente na estabilidade da cadeira. O posicionamento das rodas traseiras é alterado e modifica o centro da gravidade da cadeira.

Se posicionadas mais para trás, proporcionam maior estabilidade para o usuário e diminuem as chances de tombar com a cadeira. Contudo, essa configuração torna mais difícil empinar a cadeira para transpor obstáculos.

Se posicionadas mais próximas às rodas dianteiras, a cadeira fica mais instável e pode haver mais riscos de tombar. Essa alteração é indicada para usuários com maior mobilidade e habilidade no controle da cadeira, já que essa alteração facilita na hora de empinar a cadeira.

Nosso post sobre o centro de gravidade, explica tudo sobre essa configuração. Confira clicando aqui.

Outra configuração que pode ser solicitada na hora de comprar a cadeira de rodas é a cambagem das rodas. A cambagem é o ângulo de inclinação das rodas em relação a cadeira. 

Essa função dá mais estabilidade ao usuário e é muito usada para práticas esportivas, pois permite a realização de manobras com certa velocidade, sem que a cadeira tombe. No uso no dia a dia, ela é pouco indicada, pois aumenta a largura da cadeira, dificultando a passagem por portas ou a manobrabilidade em espaços pequenos. 

Opcionais da cadeira de rodas

Além das configurações e do tamanho da cadeira de rodas, outras personalizações são possíveis, adicionando funções e deixando a cadeira mais leve ou aumentando o nível de conforto. Estes itens podem ser escolhidos ou configurados separadamente, como:

  • Diâmetro das rodas e tipo de pneu;
  • Material do chassi;
  • Suspensão dianteira ou traseira;
  • Tipo de almofada de assento e encosto;
  • Encosto reclinável;
  • Apoio de pés;
  • Cintos de segurança e apoios especiais.

Lembrando que as configurações, bem como os opcionais variam de marca para marca. Por isso, é importante pesquisar e descobrir se a marca escolhida possui opções de tamanhos e opcionais e se eles atendem às suas necessidades. 

Se você gostou das dicas? Para saber mais sobre outros aspectos que podem te ajudar em como escolher a cadeira de rodas ideal, acesse o nosso blog e nos siga nas redes sociais! 

Você também pode conferir todos os produtos da Freedom através do nosso site. Lá você encontra diversos modelos de cadeiras de rodas e acessórios que trazem liberdade, segurança e conforto para o seu dia a dia. 

Texto por Hillary Orestes.

Receba nossos conteúdos por e-mail e amplie seus horizontes!

É só cadastrar seu e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.