fbpx
Filmes do mês: temos que escolher como contar histórias tristes

[Filmes do mês] “Podemos escolher como contar histórias tristes”

Em Novembro resolvemos quebrar alguns tabus e desafiar o senso comum. Afinal, quem disse que pessoas com limitação no controle corporal não podem ter uma vida sexualmente ativa? Ou que pessoas com deficiência não conseguem encarar uma viagem sozinhas? Pode ser que você pense que pessoas com câncer não conseguem viver uma grande história de amor.

Enfim, seja qual for a sua ideia formada sobre esses assuntos, sugerimos que as deixe de lado. Os nossas dicas de filmes para esse mês vão te mostrar realidades que talvez você nunca tenha imaginado, e te fazer pensar nas mais diferentes formas de encarar a vida. Confira:

Pies en la Tierra (2012)

Pies en la Tierra” é um road movie argentino, que conta a história de Juan Espósito Moreira (Juancho), um homem simples, que vive em uma cadeira de rodas e vende peixes para sobreviver. Após a morte de sua mãe, Juancho decide ir ao encontro de sua sobrinha, começando uma nova jornada e dando um rumo diferente à sua vida.

Juancho sai do lugar onde sempre morou e, sozinho, toma a estrada. Ao longo do percurso ele vai encontrando diferentes pessoas que o ajudam e vão dando sentido para sua jornada. Os personagens são todos muito reais, e têm muito impacto na vida do personagem principal.

Com poucas falas, o filme impressiona a crítica por conseguir passar sua mensagem mesmo com a simplicidade das cenas. “Pies en la Tierra” é considerado por muitos como a obra prima do diretor, Mario Pedernera. E tem premiações referentes a atuação de Francisco Cataldi.

As Sessões (The Sessions)

As Sessões (The Sessions)” é inspirado na história de Mark O’Brien, um jornalista e poeta que aos seis anos contraiu poliomielite e teve de passar o resto de sua vida dependendo de um aparelho que lhe substituía o pulmão. Apesar de todas as limitações, Mark não deixou de levar uma vida cheia de conquistas importantes, se tornando inspiração para muitos.

Mesmo tendo conseguido se resolver bem em questões acadêmicas e profissionais, O’Brien ainda tinha uma grande frustração em sua vida: a falta de experiência sexual. Para resolver esse problema ele contratou uma substituta sexual, profissional que trabalha com esse tipo de caso. E é exatamente essa fase de sua vida que retrata o filme.

“As Sessões” contempla o drama e a comédia, trazendo um assunto denso de forma descontraída (e muitas vezes cômica) sem, no entanto, banalizar o tema e as preocupações do personagem principal. As ótimas atuações de Helen Hunt e John Hawkes, nesse filme, lhe renderam várias premiações, tendo Helen conquistado o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2013, pelo papel.

Tudo que Quero (Please Stand By)

Tudo que Quero (Please Stand By)” poderia ser mais um road movie clichê, e em alguns aspectos ele não foge disso: uma menina que sai pelo mundo em busca de seus sonhos e enfrentando muitos desafios e momentos cômicos. Mas, apesar da trama não ser tão inovadora, a personagem principal é a responsável por dar o destaque necessário ao filme.

Wendy, personagem principal do filme, tem autismo e é fanática pela série Star Trek. Ela vive em uma instituição especializada em atender pessoas com deficiência intelectual, e tem uma rotina bem regrada. A mudança em sua vida acontece quando ela vê a oportunidade de usar o seu talento na escrita e produzir um roteiro para sua franquia de filmes favorita. Confiando no seu potencial de ganhar o concurso, ela foge do lugar onde mora para ir à Los Angeles entregar seu roteiro.

O filme não vitimiza a personagem principal, que é muito determinada, inteligente e interessante. Dirigido por Ben Lewin, o longa conta com as impressionantes atuações de Dakota Fanning, Toni Collette e Alice Eve.

Nascido em 4 de Julho (Born on the Fourth of July)

Premiado com o Oscar de Melhor Diretor e Melhor Edição em 1990, “Nascido em 4 de Julho (Born on the Fourth of July)” conta a história real de Ron Kovic, um ex-combatente da Guerra do Vietnã. Traçando uma linha do tempo, com a finalidade de contextualizar o espectador, o filme mostra desde a infância, até o momento em que ele vira um ativista político. Expondo, assim, todas as reviravoltas e motivos que compuseram o que Kovic é hoje.

A história passa por muitos momentos, começando pela infância de Ron e seu fascínio pelo exército estadunidense; indo para a sua experiência na guerra do Vietnã, em que ele sofre uma lesão que o deixa paraplégico; até o momento em que ele volta para casa, desiludido com a visão nacionalista que antes possuía, e se torna um ativista pela paz.

Essa história tão densa é posta de um jeito muito sensível pelo diretor do filme, Oliver Stone. Que, aliado à bela atuação de Tom Cruise, consegue passar todos os sentimentos do personagem em seus diferentes momentos. Mostrando, assim, o mundo de preconceito que Ron encontrou quando voltou da guerra em uma cadeira de rodas.

The Fault in Our Stars ( A Culpa é das Estrelas)

Quando falamos de um filme de dois adolescentes com câncer, logo pensamos em uma trama dramática e de sofrimento. Porém, “The Fault in Our Stars ( A Culpa é das Estrelas)” quebra com essa expectativa. O filme, que alcançou grande sucesso, não resume seus personagens (Hazel e Gus) à doença, pelo contrário, os mostra como adolescentes normais: bem humorados, sonhadores e cheios de personalidade.

Hazel tem fraca capacidade pulmonar e Gus perdeu uma perna, ambos os problemas causados pelo câncer. Assim, os dois personagens acabam em um grupo de apoio, lugar onde se conhecem. A história se desenrola em torno da relação dos dois, e da importância do apoio e companheirismo que nasce entre eles, mostrando que existe mais de uma maneira de contar histórias tristes.

O filme foi inspirado no best sellers de John Green, é dirigido por Josh Boone e conta com a atuação de Shailene Woodley e Ansel Elgort.

 

Gostou das dicas? Acompanhe a nossa Página no Facebook, lá você encontra dicas de filmes toda semana.

Receba nossos conteúdos por e-mail e amplie seus horizontes!

É só cadastrar seu e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.