Pexels - imagem ilustrativa

Conheça 7 documentários sobre histórias inspiradoras de pessoas com deficiência

Em outros artigos em nosso Blog já recomendamos diversos filmes e séries com protagonismo de pessoas com deficiência. Agora iremos mostrar alguns documentários, produções cinematográficas que abordam histórias reais contadas pelos próprios personagens, familiares, amigos, estudiosos, entre outros, sobre pessoas com deficiência.

Você verá 7 documentários brasileiros e estrangeiros que tratam de histórias inspiradoras de pessoas com deficiência. Confira!

Pódio para Todos (2020):

O documentário original da Netflix conta as histórias de 9 atletas paralímpicos de diversos países. 

A partir de entrevistas com os atletas de alto rendimento, dirigentes, famosos e ativistas PCDs, eles abordam os desafios de suas trajetórias em competições no esporte adaptado, dessa maneira, refletindo a forma de como são vistos pela sociedade. 

Veja o trailer abaixo:

A Pessoa é Para o Que Nasce (2004):

Esse documentário brasileiro mostra a história de três irmãs cegas que levam a vida cantando e tocando ganzá em troca de esmolas nas cidades e feiras pelo todo nordeste brasileiro. 

A produção mostra a rotina das irmãs e seus hábitos curiosos de vivências, parentes e vizinhos também participam com seus depoimentos sobre Regina, Maria e Conceição, vale a pena conferir.

O documentário completo está disponível no YouTube, confira abaixo:

Crip Camp: Uma Revolução na Inclusão (2020):

Essa produção, também disponível na Netflix, conta a história do acampamento de verão Jened, localizado nas montanhas de Catskills, no estado de Nova York. Esse acampamento era exclusivo para pessoas com deficiência.  

O acampamento fundado em 1951 e fechado em 1977, tratava todos com total normalidade, qualquer jovem e adulto com algum tipo de deficiência intelectual ou física poderia acampar. Todos eram tratados sem nenhuma  especificidade, além de terem total liberdade para fazer o que quiserem. 

Além disso, Barack Obama e Michelle Obama são os produtores executivos do documentário.

Confira o trailer:

Herbert de Perto (2009):

Continuando nas recomendações de produções brasileiras, o documentário Herbert de Perto conta a história do cantor Herbert Vianna, da banda Paralamas do Sucesso.

Com depoimentos de familiares, amigos, colegas da música e com o resgate de memórias através de vídeos, o cantor conta sua trajetória de superação. A história do músico está disponível no GloboPlay.

Veja o trailer abaixo:

PAUÊ – O Passo de um Vencedor (2009):

Paulo Eduardo Chieffi Aagaard, carinhosamente conhecido como Pauê sempre adorava surfar, porém, um grave acidente aconteceu, ele foi atropelado por um trem que resultou na amputação de suas duas pernas, na altura dos joelhos. 

Por conta disso, o documentário mostra a trajetória de superação de Pauê, pois ele continuou no surfe e conseguiu se tornar o primeiro e único surfista biamputado do mundo e campeão de triathlon. 

A produção completa você confere no canal oficial  do YouTube do documentário:

História do Movimento Político das Pessoas com Deficiência no Brasil (2010):

O nome do documentário já mostra exatamente sobre o que é abordado, esse movimento importantíssimo surgiu na década de 1970 no Rio de Janeiro.

O objetivo do movimento era a garantia da representatividade de caráter nacional de pessoas com deficiência e a proteção de seus direitos. Além do documentário, também existe um livro que conta a mesma história e pode ser acessado clicando aqui.

O documentário completo está disponível no YouTube, confira abaixo:

Human Life (2020):

O documentário pró-vida conta histórias de 12 pessoas, com ou sem deficiência que decidiram defender a vida mesmo com grandes dificuldades.

Três personagens do documentário são pessoas com deficiência, a italiana com síndrome de Down, Lena Tschamben e os brasileiros Leandro Portella e Jonas Letieri.

Leandro Portella é um artista plástico tetraplégico que realiza pinturas com a boca e Jonas Letieri é o único surfista do mundo sem as mãos. Em 2011 Jonas sofreu um acidente enquanto trabalhava, ele levou um choque ao encostar em um fio de alta tensão e perdeu às duas mãos. 

O surfista pratica a modalidade de Stand Up, o surfe em que são utilizados remos, após um ano do acidente, Jonas teve a ideia de adaptar os remos conseguindo voltar ao mar e praticar o esporte que amou sempre desde os 13 anos. 

O documentário completo pode ser assistido no site oficial do projeto, humanlifemovie.com.

Veja o trailer abaixo: 

Gostou das nossas recomendações de documentários sobre pessoas com deficiência? Comente o que achou e compartilhe em suas redes sociais. Até a próxima!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.