Conheça 6 filmes com pessoas com deficiência como personagens

As formas como indivíduos e grupos são retratados na mídia popular podem ter um efeito profundo sobre como eles são vistos pela sociedade. Com isso, há uma tentativa de catalogar a representação e a inclusão dessas pessoas nos filmes com pessoas com deficiência.

Portanto, no post de hoje, trazemos para você uma lista de ótimos títulos que trazem personagens com algum tipo de deficiência, seja ela motora ou mental, em papéis de destaque e com protagonismo.

Continue a leitura, assista aos filmes e conheça alguns personagens com deficiência que marcaram profundamente as telas dos cinemas. Vamos lá?

1. Os Intocáveis

Esse filme francês de 2012 é um clássico moderno, cativando muito o público de todas as idades. Por isso, não há título mais adequado para abrir nossa lista de filmes.

Depois de um acidente de parapente que o deixa paraplégico e em uma cadeira de rodas, Philippe (François Cluzet), um aristocrata rico, contrata como seu ajudante diário Driss (Omar Sy), um jovem suburbano recém-saído da prisão. Ou seja, aparentemente, a pessoa menos adequada para o trabalho.

Entretanto, juntos, eles vivem grandes experiências ao frequentar as altas elites francesas. Assim, Driss ajuda Philippe a redescobrir o prazer de gozar a vida. Com a união desses dois mundos completamente diferentes, nasce uma amizade louca, engraçada e inesperada, que faz deles… Intocáveis.

2. A Teoria de Tudo

Lançado em 2015, A Teoria de Tudo é a história do físico mais brilhante e animado de nossos tempos, Stephen Hawking (Eddie Redmayne), e de Jane Wilde (Felicity Jones), a estudante de artes por quem ele se apaixonou enquanto estudava na Universidade de Cambridge na década de 60.

Hawking era um estudante de astrofísica brilhante, mas pouco esperava-se dele após o diagnóstico de esclerose lateral amiotrófica (ELA) quando ele tinha apenas 21 anos de idade. Aos poucos, ele foi perdendo os movimentos, mas seu cérebro permaneceu intacto.

Contrariando todas as expectativas, Stephen Hawking é atualmente considerado o sucessor de Einstein, além de ser um bom marido e pai de três filhos. Uma história emocionante e de grande inspiração para todos!

3. Meu nome é Radio

Meu Nome é Radio é uma envolvente história de interesse humano, inspirada por eventos reais ocorridos em 1976 em Anderson, Carolina do Sul. Não perca, pois esse é um dos filmes com pessoas com deficiência que você vai ter vontade de ver muitas vezes!

Cuba Gooding Jr. interpreta o personagem principal, um homem mentalmente desajustado. Ele faz um trabalho tão bom que você vai acreditar que ele é o verdadeiro Radio — nascido com o nome de James Robert Kennedy, mas apelidado de Radio por causa de sua coleção de rádios e por ouvir o aparelho o tempo todo.

Radio passa seus dias na pequena cidade de Anderson, empurrando um carrinho de compras pela rua e sem falar com ninguém. Até que alguns jogadores de futebol o assediam e, então, o treinador Harold Jones (Ed Harris) coloca o jovem sob sua guarda.

A partir disso, Radio começa a ajudar nos treinos de futebol e a sentar-se com os jogadores durante as partidas. No entanto, algumas pessoas da cidade o querem longe, por acharem que ele é uma distração para a equipe. Mas, por agora considerarem Radio um verdadeiro amigo, o treinador e o time lutarão para que ele fique por perto.

4. Uma Lição de Amor

Sam Dawson (Sean Penn) tem a capacidade mental de um menino de sete anos. Ele trabalha na Starbucks e é obcecado pelos Beatles.

Ele teve uma filha com uma mulher sem-teto, que os abandonou logo que a menina nasceu. Entretanto, problemas inesperados começam a surgir quando Lucy (Dakota Fanning) atinge a idade de 7 anos e começa a ultrapassar intelectualmente seu pai.

Com medo de que Sam atrase o desenvolvimento da filha, a Assistência Social quer tirar a garota dele e mandá-la para um orfanato. Assim, entra em cena a advogada Rita Harrison (Michelle Pfeiffer), que lutará para garantir a guarda da menina pelo pai.

Uma Lição de Amor é uma história emocionante, inspiradora e centrada em uma inesquecível atuação de Sean Penn.

5. Como Eu Era Antes de Você

Louisa Clark (Emilia Clarke) sabe muitas coisas. Ela sabe quantos passos existem entre a garagem e sua casa. Sabe que gosta de trabalhar na The Buttered Bun, uma loja de chás, e sabe que pode não amar muito seu namorado Patrick.

O que Lou sequer imagina é que ela está prestes a perder o seu emprego, mas que ela se manterá sã por causa do que está por vir.

Will Traynor (Sam Claflin), por sua vez, sabe que o seu acidente de moto tirou seu desejo de viver. Ele sabe que agora tudo parece muito pequeno e triste, e ele sabe exatamente como vai colocar um fim nisso.

O que Will sequer imagina é que Lou está prestes a explodir seu mundo em uma profusão de cores e nenhum deles sabe que vão mudar um ao outro para sempre.

Baseado no best-seller homônimo de Jojo Moyes, Como Eu Era Antes de Você é um filme romântico, envolvente, cativante e cheio de surpresas. Uma ótima pedida para todos os momentos!

6. Hush: A Morte Ouve

Nossa lista não é composta apenas de filmes fofos! Por isso, fechamos com mais esse grande sucesso dos cinemas, um exemplo ainda raro de filme de terror com uma protagonista com deficiência.

Em Hush: A Morte Ouve, a escritora Maddie (Kate Siegel) vive uma vida tranquila em uma casa isolada no bosque, com apenas um amigo felino (amavelmente apelidado de “Bitch”) e, ocasionalmente, uma amigável vizinha chamada Sarah (Samantha Sloyan).

Esse isolamento fornece o ambiente perfeito para ela trabalhar e poder terminar seu próximo romance, e o cenário ideal para um maníaco homicida ambulante poder atacar. Trata-se de um homem mascarado (John Gallagher Jr.), que prontamente corta as poucas conexões de Maddie com o mundo exterior e começa a brincar com ela física e psicologicamente.

Mas ele não esperava pela capacidade de Maddie para lutar, mostrando uma força interior formidável. O filme retrata isso como um trunfo que ela só descobre que tem quando é posta à prova.

Muitas pessoas ainda acreditam que quem tem alguma deficiência é mais vulnerável devido a suas limitações físicas. Esses filmes com pessoas com deficiência mostram bem o contrário.

E então, pronto para preparar a pipoca e curtir os filmes que recomendamos? Conhece outras pessoas que também curtiriam esses títulos? Então, compartilhe este post nas suas redes sociais e espalhe as dicas!


Deixe um comentário sobre este conteúdo. O que você achou?